Connect with us

América do norte

Cresce número de ataques contra asiáticos nos EUA e Canadá

Onda de ataques tem como foco idosos asiáticos e preocupa a polícia de grandes cidades no Canadá e nos Estados Unidos

Ady Ferrer

Published

on

Uma onda de ataques contra asiáticos tem alertado autoridades nos Estados Unidos e no Canadá. Nos bairros típicos chineses, conhecidos como Chinatowns, a segurança foi reforçada para a celebração do Ano Novo Lunar, na sexta-feira, 12.

Em São Francisco, na Califórnia, idosos de origem asiática estão sendo assaltados. No dia 31 de janeiro, um jovem de 19 anos empurrou Vicha Ratanapakdee, de 84 anos, no chão. Ele morreu dias depois.

Em Oakland, no Canadá, um senhor de 91 anos de idade foi empurrado com força sem motivo aparente, no último dia 4.

O ataque ao senhor de 91 anos não foi o único cometido pelo mesmo suspeito no mesmo dia:

“O suspeito então se aproximou de um homem de 60 anos e de uma mulher de 55 por trás que também estavam andando no bloco 800 da Harrison Street. O suspeito empurrou as duas vítimas ao chão, resultando na mulher perdendo a consciência. O homem também ficou ferido. As duas vítimas foram tratadas em um hospital local” – disse a polícia de Oakland

O suspeito foi preso após uma campanha dos atores Daniel Dae Kim e Daniel Wu, oferecendo 25 mil dólares para quem encontrasse o agressor.

Na semana passada, mais ataques foram relatados. Em San Jose, Califórnia, uma mulher de 64 anos foi atacada e roubada. Outra, de 70 anos, foi atacada de forma parecida em Oakland, Canadá. No metrô da cidade de Nova York, um homem de 61 anos recebeu um tapa no rosto.

O Presidente da Câmara do Comércio de Chinatown de Oakland, Carl Chan, disse que a comunidade está sob ataque. Ele alega ter juntado mais de 20 vídeos de ataques no bairro somente no início de fevereiro desse ano. Em um dos casos, um agressor perseguiu uma mulher vestido com uma armadura e tentou atirar em sua cabeça com um sinalizador. Segundo ele, uma família foi sequestrada e o agressor teria dito: “Eu sei que vocês asiáticos têm dinheiro, é melhor vocês nos darem o dinheiro. Vocês estão na mira, porque são asiáticos“.

Chan também atribui o crescimento do ódio aos asiáticos à pandemia da covid-19.

Segundo a polícia, nenhum dos casos está sendo tratado como crime de ódio. No entanto, mais policiais estão fazendo a segurança nas Chinatowns em Oakland, Sao Francisco e Nova York.

*com informações de NBC News, ABC News e Left Coast Right Watch

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Jornalista formada pela UCPel-RS, especialista em Relações Internacionais pela UnB e pós-graduanda em Cinema e Audiovisual pela Belas Artes de São Paulo. Podcaster no MIDcast política, #AdyNews e SulCast.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X