Connect with us

América Latina

Em Cusco, cidadãos que não usarem máscaras, serão encaminhados para trabalho comunitário na construção de cemitério.

A medida será apicada no distrito de Yucay, província de Urubamba

Karla Burgoa

Published

on

O prefeito do distrito de Yucay (Urubamba-Cusco), Leocadio Madera, anunciou que os cidadãos que não usarem máscaras, nem respeitarem as medidas de segurança no combate ao coronavírus ao transitarem pela cidade, serão penalizados com trabalho comunitário.

A autoridade especificou que estas obras de apoio serão para a construção do novo cemitério voltado às vítimas de COVID-19. “As multas vão ser aplicadas, à parte as que correspondem de acordo com a lei, em obras comunitárias.  ”, disse o prefeito.

Da mesma forma, a autoridade disse que não há desculpa válida, já que nos últimos dias os protetores faciais foram distribuídos gratuitamente, para evitar mais transmissões na localidade.

“Nós entregamos [EPIs] a cada pessoa em Yucay com bastante antecedência. O que acontece é que eles não estão usando e nós vamos forçar o uso ”, acrescentou Madera, que também lembrou que durante a festa patronal no bairro (25 de dezembro), sua população foi muito negligente.

O Locadio Madera, segundo o RPP, também anunciou que, para evitar mais infecções, eles irão de casa em casa para fazer o diagnóstico. Nesse sentido, as pessoas diagnosticadas serão orientadas a completar os 14 dias de quarentena e, após esse período de isolamento, receberão uma cesta básica.

País sofre com segunda onda da covid-19

A segunda onda vem atingindo várias regiões peruanas sem parar desde o início de janeiro, após as festas de Natal e final de ano. As infecções diárias aumentaram de mil para mais de cinco mil e as mortes dispararam de uma média de 40 por dia para mais de cem.  O governo estabeleceu quarentena total em algumas regiões e a proibição de voos da Europa até 14 de fevereiro e incluiu o Brasil na relação devido à nova cepa do coronavírus descoberta no país.

*com informações de El comercio

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Jornalista boliviana, periodista potiguar. Formada pela UFRN, já trabalhou com telejornalismo diário e rádio, e atualmente, busca por meio da escrita, contribuir por uma mídia brasileira que enxergue a América Latina além dos esteriótipos

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X