Connect with us

América Latina

Venezuela fecha acordo para fornecimento semanal de oxigênio pra Manaus.

A capital amazonense já recebeu 130 mil litros do país, além de equipe médica.

Karla Burgoa

Published

on

A Venezuela estabelecerá um acordo para enviar, a cada 7 dias, 80 mil litros de oxigênio da Usina de Geração de Oxigênio Sidor, para Manaus, Brasil, informou o chanceler venezuelano Jorge Arreaza.

O anúncio foi feito em uma entrevista para o programa El Mundo en Contexto, que é transmitido pela Venezolana de Televisión (VTV).

A este respeito, afirmou que esta ação é um gesto de solidariedade e humanitário do Presidente Nicolás Maduro para enfrentar a crise sanitária Covid-19 no país vizinho.

“Vamos salvar vidas graças a esse oxigênio e aliviar uma situação tão complexa em que a solidariedade se caracteriza quando é verdade e esse é o trabalho”, especificou o chefe do Ministério das Relações Exteriores do Governo Bolivariano.

Da mesma forma, Jorge Arreaza destacou que graças à coordenação entre os governadores dos estados fronteiras das duas nações foi possível trazer mais de 100 mil litros de oxigênio ao estado brasileiro do Amazonas.

Venezuela já enviou 130 mil litros de oxigênio e reforço médico com 107 médicos a Manaus

A Venezuela já enviou oito caminhões carregados com aproximadamente 130 mil litros de oxigênio para abastecer os hospitais de Manaus.

Além disso, o governo bolivariano formou um contingente com 107 médicos brasileiros e venezuelanos, graduados na Escola Latino-Americana de Medicina Salvador Allende, em Caracas, para ajudar a combater a pandemia no Amazonas

De acordo com o chanceler Jorge Arreaza, os profissionais procuraram o consulado da Venezuela em Boa Vista, propondo a criação da brigada Simón Bolivar.

Com informações de Brasil de Fato e Telesur

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Jornalista boliviana, periodista potiguar. Formada pela UFRN, já trabalhou com telejornalismo diário e rádio, e atualmente, busca por meio da escrita, contribuir por uma mídia brasileira que enxergue a América Latina além dos esteriótipos

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X