Connect with us

América Latina

Argentina registra primeiro caso de nova variante do coronavírus

O caso foi confirmado neste sábado (16) pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Roberto Salvarezza

Karla Burgoa

Published

on

cold glass breakfast milk

O Consórcio Interinstitucional para Sequenciamento do Genoma e Estudos Genômicos do SARS-COV-2, criado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, detectou que um viajante do exterior trouxe para a Argentina a variante do SARS-CoV-2 do Reino Unidos. O caso já foi denunciado às autoridades sanitárias.

O surgimento do primeiro caso de coronavírus com essa variante mais contagiosa, que colocou o sistema de saúde britânico em xeque, foi confirmado pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Roberto Salvarezza.

Segundo documento dos pesquisadores do Argentino SARS-CoV-2 Genomics Project (PAIS), divulgado neste sábado (16) pelo ministro, o caso é de um argentino residente no Reino Unido com histórico de viagens à Áustria e Alemanha. Ele chegou assintomático à Argentina vindo de Frankfurt no final de dezembro de 2020 e testou positivo para Covid-19. Ele foi instado a entrar em quarentena em um endereço na cidade de Buenos Aires.

“O sequenciamento do gene S confirmou a presença da variante COV 202012/01”, que foi descoberta no Reino Unido e tem maior poder de multiplicação, observaram.

O relatório detalha que a variante do Reino Unido já é encontrada em 54 países, incluindo Brasil e Chile. A amostra mais antiga foi detectada em 20 de setembro.

Dados de rastreamento de contato revelam “maior transmissibilidade (taxa de ataque secundário) quando o caso índice tem a cepa variante”, disse a OMS. Estudos científicos revelaram que é 70% mais contagioso do que o original porque se replica na garganta. Da mesma forma, a OMS detalhou que a análise dos resultados mostra que a idade e o sexo das pessoas infectadas são semelhantes aos das outras variantes.

“Atualmente, as autoridades sanitárias estão conduzindo investigações epidemiológicas relevantes para o caso”, diz o documento publicado pela Salvarezza. “É evidente a importância do cumprimento das disposições sanitárias de isolamento obrigatório em caso de deslocamento, e do distanciamento físico, uso de máscaras faciais e ventilação dos ambientes”.

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Jornalista boliviana, periodista potiguar. Formada pela UFRN, já trabalhou com telejornalismo diário e rádio, e atualmente, busca por meio da escrita, contribuir por uma mídia brasileira que enxergue a América Latina além dos esteriótipos

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X