Connect with us

América Latina

Enquanto o Brasil segue perdido: Bolívia anuncia segundo contrato para aquisição de vacinas da AstraZeneca

5 milhões de doses da vacina contra covid-19 chegarão ao país com segundo contrato de vacinas

Karla Burgoa

Published

on

pexels-photo-5863389.jpeg

O Governo da Bolívia anunciou na quarta-feira (13), o segundo contrato para aquisição de vacinas contra COVID-19, que garante que 100% da população vacinada possa ter acesso aos antídotos que “não têm cor política e eles estão aqui para salvar vidas ”, disse a vice-ministra de Promoção, Vigilância Epidemiológica e Medicina Tradicional, María Reneé Castro.

A autoridade lembrou que a assinatura do contrato com o Serum Institute, da Índia, para o fornecimento de 5 milhões de vacinas AstraZeneca ou Oxford, faz parte de um plano estratégico que inclui acordos para o fornecimento de 5,2 milhões de imunizantes Sputnik V, três milhões de antídotos pelo mecanismo Covax, além da aplicação de 1,6 milhão de antígenos nasais para detecção precoce por meio de testes massivos e gratuitos.

O governo declarou que, graças a outro acordo recente para adquirir doses da vacina russa Sputnik V contra o coronavírus, o país espera poder imunizar toda a população vacinada.

“Sabemos que é um plano ambicioso, chegar a 100% da população, mas é exatamente isso que se quer: que todos tenham acesso a essas vacinas sem qualquer tipo de distinção, gratuitamente e em tempo hábil”, disse o vice-ministro Castro.

A assinatura do contrato na quarta-feira foi com o Serum Institute of India, maior produtor mundial de vacinas em volume. A produção é da Covishield, a vacina da British University of Oxford e AstraZeneca contra o COVID-19. A primeira entrega será feita em abril, de um milhão de doses, e a seguir outras remessas chegarão sucessivamente com a mesma quantidade por mês

O vice-ministro Castro lamentou que haja alguns setores que estão fazendo campanha para que a população tenha medo da vacinação. Diante disso, a autoridade afirmou que “as vacinas não têm cor política e as vacinas estão aqui para salvar vidas”.

“Garantimos vacinas para 100% da população vacinável”, disse a autoridade, destacando os mecanismos de coordenação que foram estabelecidos com governos, municípios e setores sociais para implementar testes massivos de detecção do coronavírus, bem como a vacinação.

Uma recente alta de casos de covid-19 no país andino fez com que o governo de Arce acelerasse as medidas para comprar vacina. O Ministério da Saúde informou hoje que 2.057 novos casos foram registrados nas últimas 24 horas, número mais alto desde o início do novo surto. Além disso, 39 pessoas morreram.

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Jornalista boliviana, periodista potiguar. Formada pela UFRN, já trabalhou com telejornalismo diário e rádio, e atualmente, busca por meio da escrita, contribuir por uma mídia brasileira que enxergue a América Latina além dos esteriótipos

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X