Connect with us

América Latina

México receberá 3º lote de vacinas enquanto o Brasil nem começou

A quarta remessa de vacinas deve chegar em 4 de janeiro.

Karla Burgoa

Published

on

O México recebeu na manhã desta quarta-feira (30) o terceiro carregamento da vacina contra o novo coronavírus desenvolvido pela Pfizer e BioNTech, que chegou às instalações do Aeroporto Internacional da Cidade do México (AICM). De acordo com o Ministério da Saúde (SSa), o novo lote contém 7.800 doses do medicamento contra COVID-19.

O Ministério das Relações Exteriores (SRE) divulgou a notícia por meio de uma publicação feita em suas redes sociais, onde incluiu uma série de fotos do momento em que a carga foi retirada do avião.

O SSa anunciou que no dia 4 de janeiro, 50.000 vacinas do acordo farmacêutico Pfizer e BioNTech chegarão ao México. Por fim, lembrou que o país está na primeira fase da vacinação contra a SARS-CoV-2, na qual se vacina a chamada “linha de fogo”, ou seja, voltada para os agentes de saúde que atende os casos de COVID-19, e por isso, estão em contato direto com a doença. O país já perdeu 2.330 trabalhadores da saúde, incluindo médicos, enfermeiros, carregadores de maca e limpadores.

Em 26 de dezembro, o México recebeu uma  remessa de vacinas da farmacêutica Pfizer que continha 42.900 doses. Destas, 34.125 vacinas chegaram ao Aeroporto Internacional da Cidade do México e 8.775 chegaram ao aeroporto de Monterrey, Nuevo León.

O segundo dia de vacinação contra COVID-19 teve início na última segunda-feira, 28 de dezembro, em diferentes pontos de Coahuila. Um dia depois, 29 de dezembro, Nuevo León também começou a vacinar médicos e enfermeiras que enfrentam a doença naquele estado.

O plano do governo prevê vacinar 750 mil trabalhadores da saúde até o final de janeiro e começar a vacinar o restante da população, de 130 milhões de habitantes, de forma gratuita e gradativa, dependendo da idade e das doenças crônicas.

Esta manhã, o presidente Andrés Manuel López Obrador reiterou que com o biológico da Pfizer e BioNTech se pretende vacinar todo o pessoal de saúde no México, para o qual considerou que as demais vacinas que chegarem depois de janeiro de 2021 serão destinadas à população em geral .

O país latino-americano assinou acordos por 1,659 milhões de dólares com vários laboratórios para comprar até 200 milhões de doses que permitirão a imunização gratuita de até 116 milhões de mexicanos entre 2020 e 2021, de acordo com o Ministério da Fazenda.

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Jornalista boliviana, periodista potiguar. Formada pela UFRN, já trabalhou com telejornalismo diário e rádio, e atualmente, busca por meio da escrita, contribuir por uma mídia brasileira que enxergue a América Latina além dos esteriótipos

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X