Connect with us

Sem categoria

As zonas lives de LGBTQI+ na Polônia, antiaborto na Holanda. Graças ao Brasil da TFP

Manifestações contra o aborto, perseguições contra a população LGBTQI+ e um discurso de ódio “politicamente correto”. O Brasil como exportador do ódio na Europa.

Cleber Lourenço

Published

on

Ordo Iuris Legal Initiative é uma organização de extrema direita composta principalmente de jovens advogados, que são citados regularmente na imprensa de direita como “especialistas” jurídicos, enquanto tentam promover uma agenda extremista por meio de legislações e campanhas.

Nos últimos anos, sob o governo populista de direita do presidente Andrzej Duda do partido Lei e Justiça (PiS), a organização Ordo Iuris (Ordem Legal) se tornou um dos grupos de pressão mais influentes da Polônia. O fundador do grupo, Aleksander Stepkowski, é atualmente porta-voz do Supremo Tribunal Federal de lá.

A Ordo Iuris é conhecida no país por assessorar juridicamente os organizadores de manifestações neonazistas em toda a Polônia e o atual diretor do grupo também já expressou seu apoio repetidamente à campanha da extrema direita polonesa contra uma lei dos EUA que visa ajudar os sobreviventes do Holocausto a recuperar bens roubados.

E A TFP?

Em 2016, o representante da Tradição, Família e Propriedade na União Europeia, chamado Duque Paul von Oldenburg, revelou que a TFP estava liderando a luta pela proibição total do aborto na Polônia.

Von Oldenburg, que é neto do último imperador alemão, tem a reputação de distribuir panfletos com epítetos homofóbicos e antifeministas nas ruas de Bruxelas. Além disso ele é primo de Beatrix von Storch, uma política do partido de extrema direita alemão AfD e neta do ex-ministro das finanças de Hitler. Logo, a TFP está por trás da Ordo Iuris.

A relação da Ordo Iuris com o Brasil vêm desde a sua fundação pela Fundação Padre Piotr Skarga, que por sua vez foi fundada pela Associação Padre Piotr Skarga para a Cultura Cristã, cujo fundador, um homem chamado Sławomir Olejniczak, ligado com a primeira divisão polonesa da organização braisleira Tradição, Família e Propriedade (TFP), fundada em Cracóvia em 1995.

A TFP foi fundada no Brasil pelo rico fazendeiro com laços com a família real brasileira, Plínio Corrêa de Oliveira, e tinha como objetivo fazer lobby para impedir a reforma agrária e promoção do anticomunismo no Brasil. Oliveira pregava que o poder deve ser restaurado a uma “nobreza”, por meio de uma “batalha apocalíptica”. 

Dois membros notórios da TFP no Brasil foram  Dom Luiz de Orléans e Bragança, e seu irmão Dom Bertrand de Orléans e Bragança. O primeiro é inclusive tio do deputado Luiz Philippe de Orléans e Bragança eleito em 2018 pelo PSL e um bolsonarista convicto.

E as ligações com o Brasil não param por aí. Angela Gandra, secretária da Família do Ministério dos Direitos Humanos, recentemente viajou à Polônia patrocinada pela Ordo Iuris.

Mais semelhanças, agora na Holanda
Hugo Bos, o líder do grupo de extrema direita Civitas Christina, durante uma manifestação no ano passado. Hollandse Hoogte / Marcel Krijgs

O homem na foto em destaque é Hugo Bos, líder do grupo de extrema direita Civitas Christina e membro da divisão Holandesa da TFP. Na foto, tirada no ano passado, ele estava protestando na frente de um hospital que estava realizando aborto.

Algo que se repediu aqui no Brasil, no ano passado, manifestantes montaram uma tenda para protestar o contra aborto em frente a hospital na cidade de São Paulo mulher vítima de estupro coletivo é agredida.

Em agosto desse ano um grupo cercou um hospital em Recife para tentar evitar um aborto legal em vitima de estupro de 10 anos. Os manifestantes receberam médico aos gritos de “assassino”.

Image
Hugo Bos e quem está atrás dele? Isso mesmo! Plínio Corrêa de Oliveira, fundador da TFP. Foto: Bert Beelen

Vale lembrar que hoje a TFP e atuante em 32 países, principalmente na Europa, onde são financiados pela antiga nobreza e descendentes de monarcas do continente.

Aproveitando o ensejo….
Aqui na Fonte BR, trabalhamos muito para entregar para vocês informações de qualidade amparadas unicamente na realidade dos fatos. Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você?
Clique aqui e seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo.

Nada é mais importante para a democracia do que um eleitorado bem informado. Apaixonado por jornalismo e política. Textos publicados em: Revista Forum, Congresso em Foco e no UOL (pelo blog Entendendo Bolsonaro)

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escolha a Fonte!

Que tal apoiar o jornalismo independente que fazemos para você? Seja um assinante. Fortaleça o bom jornalismo. 

X